domingo, 19 de Outubro de 2014

Cartaz Desportivo

Cartaz Desportivo 18 e 19 de Outubro de 2014

Confira os principais resultados desportivos do fim de semana, nomeadamente  onde participam equipas do concelho da Figueira da Foz


O Grande "Canoista" de LIsboa em treino para o Governo


sexta-feira, 17 de Outubro de 2014

TENHAM UM BOM FIM DE SEMANA

Foto: E Deus Criou a Mulher

Naval entregou Chaves do Estádio Municipal Bento Pessoa à Câmara Municipal


 A Naval 1º de Maio entregou hoje ao Vereador que tutela o Desporto, Carlos Monteiro as “Chaves do Estádio Municipal José Bento Pessoa” em sequência da resolução do protocolo de cessação do Estádio Municipal à Naval 1º de Maio aprovado em sessão de Camara, protocolo que funcionava há cerca de 25 anos.

O Clube figueirense na tentativa de suspender a decisão do executivo da Camara Municipal (CM) tinha intentado uma “Providência Cautelar”  acto que acabou por ser indeferido pelo Tribunal.

Entretanto a Naval apresentou judicialmente um processo em que deseja ser ressarcida das melhorias e benfeitorias ao longo destes 25 anos, contudo a C M tem outro entendimento procedendo a resolução do protocolo por alegado incumprimento da Naval o que lhes confere justa causa para a resolução sem obrigatoriedade de qualquer indemnização.



Entretanto alegadas dívidas da Naval ao Estado (Fisco) e Segurança Social, impede a negociação de novo protocolo entre a entidade camarária e a Naval.

Dirigentes da Naval entretanto  para evitar o  conflito com a Edilidade e verem a Camara tomar posse administrativa da estrutura com as consequências que poderão advir decidiram entregar as chaves à Camara e aguardar agora as consequências do Regulamento aprovado pela CM e Assembleia Municipal.

Segundo o Marcha do Vapor apurou a Naval vai candidatar-se à utilização do relvado de forma exclusiva, embora outras entidades possam vir a utilizar o Estádio por decisão da Camara que estuda a possibilidade de colocar uma Pista de Atletismo velha aspiração da SUOVais.

No que ao sintético diz respeito, segundo o regulamento cabe à C M a indigitação de um Gestor Desportivo para a estrutura que vai providenciar reuniões  com todos os clubes que pretendam utilizar o sintético (e a isso tenham direito) no sentido de discutir tempos de utilização para treinos e jogos.

Neste preambula prevê-se uma negociação dura com a MeoKids/Academia 94/Ginásio que apresenta uma escola de formação com cerca de 190 atletas e seis equipas a competir, enquanto a Naval apresenta 250 atletas com todas as equipas a competir desde os juniores aos benjamins alguns dos escalões com duas equipas. 

Estadio Municipal Bento Pessoa num jogo em 1978/79

Refira-se entretanto que a Naval é administrada judicialmente face a dois  Planos Especiais de Revitalização (PER) um deles (Naval SAD) já aprovados e outro em nome da Associação Naval 1º de Maio que aguarda decisão no que diz respeito à sua viabilidade.

Todavia na última Assembleia Geral realizada pela Naval 1º de Maio em que foi apresentado Relatório e Contas está inserida uma divida à Somague – entidade que fez grandes obras e alterações no Municipal Bento Pessoa – na ordem de um milhão de Euros.


Pobre Naval aonde te deixaram chegar.... Mais Pobre do que nunca

 Responsáveis?  



Nota de Imprensa da Junta de Freguesia de Buarcos


A Junta de Freguesia de Buarcos opõe-se veementemente à decisão da Administração Regional de Saúde do Centro (ARSC) de encerrar o Centro de Saúde de Buarcos nas tardes de sábado, aos domingos e feriados.

 Esta tomada de posição por parte da ARSC, dada a conhecer na passada semana pela comunicação social, é contrária à política de proximidade que o executivo desta junta tem promovido, defende e irá continuar a adotar.

Mais uma vez este Governo demonstra a sua vontade em centralizar serviços sem conhecer a realidade da freguesia e da cidade e sem pensar no bem estar da população. Encerrar um serviço de saúde de proximidade, como é o Centro de Saúde de Buarcos, sem aferir da real oferta de transportes públicos no concelho e sem tomar em consideração a realidade demográfica das freguesias que esta unidade de saúde serve, não faz sentido e este órgão autárquico está liminarmente contra qualquer diminuição do horário de funcionamento daquela valência da freguesia.

Recorde-se ainda que quer a Assembleia de Freguesia quer a Assembleia Municipal já tinham manifestado, unanimemente, a sua oposição à redução do horário do Centro de Saúde. Os deputados eleitos pelo círculo de Coimbra, João Portugal e Mário Ruivo, indignados com a decisão da ARSC, já questionaram o Ministério da Saúde quanto às melhorias concretas que os utentes do centro de Saúde de Buarcos terão com estas mudanças e à existência de um estudo que avalie o impacto na população com menor capacidade de mobilidade.

A Junta de Freguesia vai continuar a lutar pelos interesses da população,  procurando, junto das entidades competentes - Agrupamento de Centros de Saúde do Baixo Mondego, ARSC e Ministério da Saúde -, reverter a decisão.


Enviado por email 

Faltam dois meses para o Natal.... O Meu pedido ao Pai Natal




Ver em ecrã inteiro

Cartaz Desportivo para o Fim de Semana



Basquetebol - VII TRoféu Antonio Pratas

18 Horas - Pavilhão Cantanhede

Casino /Ginásio x Esgueira
=======

Acompanhe as Notícias do Dia ,,,,Minuto a Minuto

Reforma Calçado, roupa, comida. Tudo que 'vier à rede passa a ser peixe' para IRS

Governo Demite-se secretário de Estado do Ensino Básico e Secundário

Lisboa Encarregados de Educação em vigília no Ministério de Crato

Sondagem PS já está à beira da maioria absoluta

Conferência Secretário de Estado do Ensino acusado de plágio

Manchetes