sexta-feira, 24 de maio de 2013

Terreno da Naval na Rua da Republica vai ser vendido em hasta pública

Para aumentar o zoom e melhor leitura clicar em cima da imagem

Sinceramente esta é daquelas notícias que me custa a engolir. O site da Autoridade Tributária – Secção de Bens Penhorados – anuncia que o terreno onde esteve durante décadas a sede da Associação Naval 1º de Maio foi penhorado e vai ser vendido em hasta pública.

 
 

Há coisas que têm de ser explicadas e o Senhor Presidente da Assembleia Geral da Naval foi algumas vezes questionado em Assembleia Geral e sempre afirmou que o terreno era pertença da Associação Naval 1º de Maio

 Afinal foi mais um equívoco do Senhor Presidente porque o referido terreno não foi penhorado à Naval mas sim à Naval Imobiliária.

 Como é que um terreno (património) que é pertença da Naval 1º de Maio muda de dono sem os sócios da Naval 1º de Maio terem conhecimento?

 Mas se mudou de proprietário, quem foram os dirigentes que assinaram esta transmissão, venda, transferência ou lá o que quer que seja.

 
 
 
Não deve ser difícil saber até porque existem dirigentes na Naval com mandatos ininterruptos de há vinte anos para cá.
 
Mais uma machadada que a alma navalista sofre. Muitos navalistas, apesar das dificuldades, ainda tinham a esperança que naquele lugar fosse erigido algo que recordasse que ali foi a sede da Associação Naval 1º de Maio que por ali passaram gerações de navalistas, que ali praticaram várias modalidades desportivas e culturais.
 
Senhores dirigentes (actuais) façam algo para que aquele terreno não desapareça, está ali muito da alma navalista afinal em termos de património é a única coisa que resta.


3 comentários:

Rogério Neves disse...

Caros Visitantes acho importante que vocês possam exprimir a vossa revolta, mas peço que o façam em termos de superioridade, isto é, sem ofender os actuais ou antigos dirigentes por muito maus que eles sejam.
Essa é a nossa superiodade como navalistas.
Não quero censurar ninguem mas peço que sejam razoáveis nos vosso comentários pelo menos em termos de vocabulário.

EMPLASTRO disse...

para quem fez isto á NAVAL achas pesado e ofensivo o nome de bandidos?

Anónimo disse...

Qual o papel do Presidente da Assembleia Geral no meio de tudo isto ???
Não é ele o legitimo representante de todos os sócios ???
Porque espera para marcar uma A. G. para prestar os devidos esclarecimentos ???