segunda-feira, 10 de abril de 2017

INTERESSES OCULTOS... OU TRÁFICO DE INFLUÊNCIAS ?

O Ministério Público recebeu uma denuncia por parte da construtora Tecnorém onde alerta para a existência de “um claro favorecimento da sociedade Mota-Engil" no concurso para a construção da Escola da NATO, em Oeiras, empresa da qual Paulo Portas é atualmente consultor”. A informação foi divulgada pelo Jornal de Notícias e muitas têm sido as reações.

Paulo de Morais, ex-candidato à Presidência da República, deixou um comentário na sua página oficial do Facebook onde enumera administradores e consultores da empresa de construção.

“São administradores e consultores da Mota-Engil: António Lobo Xavier, do CDS; o seu colega de programa televisivo Jorge Coelho, do PS; o camarada de Partido deste, Seixas da Costa; Valente de Oliveira, cavaquista do PSD, também pertence ao Conselho. O escritório de advogados que ajudou ao negócio ('Sérvulo Correia'), tem como advogado Diogo Feio, também do CDS”, escreveu.

Nesta senda, o político conhecido pela luta contra a corrupção deixa um desafio: “Como todos são comentadores televisivos, gostaria de ouvir o que têm para dizer sobre o assunto”.


Notícias ao Minuto 

Sem comentários: