domingo, 25 de março de 2018

NAVAL 1893 EMPATA COM POIARES A ZERO E ISOLA-SE NO COMANDO


A Naval 1893 conquistou uma igualdade a zero golos no reduto do Poiares, adversário directo dos figueirenses na luta pela subida à Divisão de Honra.

Com esta igualdade a equipa comandada por José Godinho é no momento a única equipa da Fase final que ainda não conheceu o travo da derrota, sendo a equipa que totaliza mais pontos (10), mais vitórias (3, a par do Moinhos) melhor ataque (12 golos) e melhor defesa (2 golos sofridos).

Nesta jornada os figueirenses beneficiaram de alguns resultados inesperados (derrota caseira do Moinhos) que catapultaram a turma da Figueira da Foz para a liderança isolada.

 Na partida disputada esta tarde os figueirenses tiveram de suster a melhor entrada dos donos da casa que tentaram surpreender os navalistas nos instantes iniciais da partida. Os comandados de José Godinho corrigiram algum posicionamento e rapidamente equilibraram as operações.

Na segunda metade foi a equipa da Figueira da Foz a mais perigosa, a que dispôs de melhores oportunidades de golo com João Vasco em tarde de pouca inspiração a desperdiçar pelo menos em duas ocasiões a possibilidade de colocar a sua equipa em vantagem.

Não perder em casa de uma adversário directo era o objectivo e este foi conseguido. Na próxima jornada (ultima da primeira volta) a Naval recebe na Figueira da Foz o vice-comandante Moinhos, partida em que os figueirenses em caso de vitória poderão dilatar a liderança.

Como apontamento final refira-se ainda que este fim de semana futebolístico foi ouro sobre azul para a turma figueirense que para além da liderança na equipa sénior, conquistou três vitórias na formação, Juniores, Juvenis e Iniciados deixando a Naval 1893 a depender de si própria  para a ascensão aos Campeonatos Nacionais.




Sem comentários: